SLIDER

JOANA CARDOSO


PORTO,PT
27 anos, plus-size blogger e fotógrafa

Travel Guides

Dia do amor: um guia para solteiras

solteira dia dos namorados são valentim guia
De volta depois de alguns dias parada, coisa que para mim pareceu uma eternidade. Apesar de ter muito para trazer e imenso sobre o que falar precisei realmente de estar estes últimos dias afastada da internet. Até pensei em trazer guias de presentes para hoje, Dia de São Valentim (vulgo Dia dos Namorados), pensei escrever sobre coisas a fazer a dois mas depois pensei...sou solteira, bem solteira, sem ninguém que me arraste a asa nem prospecto ou pretendente debaixo de olho.

Para mim dia 14 de Fevereiro é sempre dia de anos da minha mãe, e se eu acredito que este dia pode ser para professar qualquer tipo de amor, seja ele entre um casal, amigos, irmãos ou familiares, também achei que era um pouco hipócrita vir falar sobre amor e coisas que tal quando para mim, neste momento, este dia não tem o significado que outros lhe atribuem.

Assim sendo pensei que hoje vos devia trazer um guia de como ser solteira neste dia, o que podem fazer para fugir dos estados depressivos em que várias pessoas solteiras acabam por cair ao ver todos os casais a celebrar.

Nada temam, se há quem não ligue sei que há quem fique mais sensível com este dia mas ser solteira, ou solteiro, não é vergonha, apenas quer dizer que a nossa história de amor ainda está a ser escrita para em breve ser lançada. Por vezes esperar e saber esperar traz-nos as melhores recompensas e as melhores histórias de amor.

Esquece as redes sociais, isto se és uma pessoa sensível porque sabemos que neste dia somos bombardeados com tudo o que é declarações de amor, imagens cheias de cotações e tudo mais. Se és daquelas que não te importas de ser solteira então isto não é problema e nesse caso podes esquecer esta "regra".

Aproveita o dia. Sozinha, com amigas, amigos, com a tua mãe ou qualquer pessoa. Não fiques num canto em modo Maria Chorona. Trata de ti, mima-te, aproveita. Tens ainda a sorte de este ano o dia calhar num Domingo.

Se não queres sair (o que eu entendo com este tempo medonho) faz um spa caseiro, convida alguém para passar a tarde contigo. Vê um filme, come pipocas ou passa a tarde na cozinha na diversão. Música, risos e coisas boas, aproveita que és solteira e não deves explicações a ninguém.

Prendas para ti mesma!!! Ou outros gastam dinheiro com a cara metade e tu dá-te algo a ti mesma. Melhor parte? Não há o azar de receber algo que não gostas. No love, no disappointments.

Escreve uma carta a ti mesma. Guarda-a até ao dia que encontrares o amor,ou até ao teu próximo São Valentim a dois. Aí verás que a espera compensou e que o amor pode tardar mas não falha (ou assim se espera).

Ama-te a ti mesma, acima de tudo. Antes de qualquer outra pessoa és tu quem mais deves amar quem és, como és. Amor atraí amor.

Espero que gostem das ideias e também quero ouvir as vossas porque aqui a solteira não vai desperdiçar o dia!

Já agora fiquem atentos, temos um passatempo fabuloso a decorrer mas muito em breve vamos ter outro.

1 comment

© The Paper and Ink