SLIDER

JOANA CARDOSO


PORTO,PT
26 anos, plus-size blogger e fotógrafa

N E W S L E T T E R

Life is better in pink


Se há coisa que na vida tenho como uma verdade irrefutável é que os produtos de cuidado franceses são, por norma, sempre os melhores e mais inovadores, sem que isso traga um monte de novidades esquisitas e futuristas, mas ao invés disso conseguem inovar com coisas muito básicas e conhecidas desde quase sempre.

Já conhecia a marca de ouvir tanta gente falar sobre ela por cá mas foi na minha viagem a Paris em Outubro que tive um contacto mais próximo com os produtos e novidades ao visitar a mais recente loja da Caudalíe no Carrousel Du Louvre, uma loja aonde o cheiro é inebriante e os produtos primam pela simplicidade do packaging mas que ao mesmo tempo convidam a querer tudo.

Hoje trago-vos duas novidades da gama Vinosource que chegaram cá a casa à algumas semanas e que passaram a fazer parte da rotina diária de pele, o que quer dizer que foram totalmente aprovadas pela minha pele que não se adapta a qualquer coisa nova.

Começamos pelo Crème Sorbet Hydratante*, um creme específico para pele sensível que promete uma boa dose de hidratação contínua. Foi lançado juntamente com outros três cremes, o Fluide Matifiant Hydratant (anti brilho), o Crème Fondante Nourrisante (conforto, flexibilidade) e o Crème Velours Ultra-nourrisante Vinosource Riche (efeito patch, sensação de repuxar diminuída). Optei pelo Créme Sorbet Hydratante não só pelo seu poder hidratante mas por ser o mais indicado para pele sensível, o que sabem ser o meu caso.

Falemos então um pouco sobre ele. Não há muito a dizer para quem conhece a marca, este é mais um êxito imediato e que vale bem a pena. Nos seus princípios activos contém água de uva bio (algo transversal à linha Vinosource) e ainda camomila (calmante) e polifenóis de uva (para terem uma melhor explicação podem ler aqui). Para além dos princípios activos principais (aonde existem alguns outros) tem ainda notas de tangerina, folha de limoeiro, água de pepino e menta, aromas subtis mas que dão um toque bem fresco que adoro.

Pessoalmente adorei o produto, é um bisnaga bem gira, rosinha, com 40ml e que parece durar bem. Aplico o equivalente a uma colher de café de produto e massajo no rosto, sendo que a textura que ao princípio parece a mais um gel acaba por se transformar quando em contacto com a pele, parecendo uma máscara que é rapidamente absorvida e a qual dá uma sensação quase instantânea de alívio e hidratação (em segundo deixo de sentir a pele a repuxar).

O Crème Sorbet Hydratant*e està à venda em farmácias ou na loja online e tem um pvp de 22,40€.

Agora falamos sobre o Eau de Raisin*, ou numa tradução literal, Água de Uva. Adoro este tipo de sprays que hidratam, refrescam e aliviam os sintomas da pele mais fragilizada, mas isso não é novidade. Pensado nas peles sensíveis não tem qualquer tipo de fragrância. Água de uva, sumo de uva e nitrogénio (para pulverizar), nada mais que isso, 3 ingredientes apenas que são fantásticos e nada complicados, mas que mesmo assim conseguem fazer o que esta Eau de Raisin* promete.

Esta água é tal e qual uma água termal, mas neste caso de origem vegetal, da uva. Adoro utilizá-la em qualquer momento do dia, quer seja para refrescar ou quando sinto necessidade de uma leve hidratação sem recorrer a um creme. Aplico ainda depois de aplicar cremes, não sei porquê mas parece que ajuda tudo a ser melhor absorvido e deixa-me a pele fresca tal como gosto.

A Eau de Raisin* não é edição limitada mas este frasco em tons de rosa e branco é, por isso se querem por ele ser giro é bom que o agarrem o quanto antes. Custa 6,40€ (pvp recomendado), tem 75ml (podemos levar de viagem) e encontra-se também à venda em farmácias e na loja online.

E a bolsinha gira? É uma oferta sempre que comprarem um produto da linha, e há três diferentes!

No comments

Post a Comment

© The Paper and Ink • Theme by Maira G.