SLIDER

JOANA CARDOSO


PORTO,PT
27 anos, plus-size blogger e fotógrafa

Travel Guides

Cuida de ti



Chegamos a um ponto da nossa vida em que a negação da idade adulta deixa de ser possível e com isto chega toda uma mentalidade que uma década antes achávamos que era coisa de gente velha, reservada unicamente aos nossos pais e aos amigos deles e que nós íamos ser sempre a malta jovem que faz tudo, que faz trinta por uma linha, que faz 3 noitadas seguidas e que aguenta tudo. A verdade é que não, não é assim, a idade traz a virtude de sabermos entender e ver que a responsabilidade aumenta, o tempo diminui e algures pelo caminho muitas vezes deixamos de ser apenas o "eu,eu,eu" e passamos a ser o "tenho tudo isto para fazer e conjugar tudo isto com o trabalho, uma vida social, uma casa e tanto mais". 

É aí que o "Cuida de Ti" entra. Cuidar de nós é algo que facilmente nos pode passar ao lado ou que facilmente se esquece quando se quer encaixar tudo numas míseras 24 horas ou num só fim-de-semana. Talvez seja melhor parar, pensar e tirar aquele tempo para nós, sem vergonha de o fazer. O tempo para nós é preciso e não tem de ser um bicho de sete cabeças.

DESLIGA-TE DO BARULHO
Com barulho quero dizer do mundo apressado que nos prende ao computador, ao telemóvel, a todo e qualquer gadget. O barulho da ventoinha do computador, o barulho de uma chamada recebida do telemóvel, um alerta de uma notificação. Deixa isso de lado por umas horas, nada de catastrófico vai acontecer, o mundo não vai acabar e vais ver como estar longe até te faz bem. Se tens medo de estar totalmente incontactável avisa quem te é mais próximo que o vais fazer por algumas horas.

FAZ AQUILO QUE TE FAZ SENTIR BEM
Isto é basto e relativo, diferente para cada um de nós e apenas tens de encontrar o todo ponto de conforto, quer seja em algo de 15 minutos ou algo de um fim-de-semana inteiro. Uma escapadela para fora da cidade, um banho de espuma, um passeio à beira mar...um crepe com uma bola de gelado. Não há cá culpas, desfruta.

NÃO SINTAS CULPA
Quantas vezes não ouvimos "devias tirar um tempinho para ti", mas assim que o fazemos parece que os dedos acusadores e olhares se viram todos na nossa direcção, numa mentalidade parva de "aquela  não faz nada, só está bem é na boa vida". Esquece essas pessoas, esses pensamentos. Tens direito ao teu tempo, ao teu espaço, a desligares do resto e focares-te em ti. A vida passa a correr, por isso aproveita enquanto tens tempo.

MAIS ALGUMAS IDEIAS
- Cria o teu espaço, por mais pequeno que seja, nem que seja um canto com uma cadeira, mas no qual te sintas bem.
- Faz disto uma rotina. Uma vez por semana? Uma vez a cada quinze dias? Tu decides.
- Tu mereces isto, não importa o que a vida te leve a pensar e sem importar as circunstâncias.

3 comments

  1. Thanks for sharing this post. Happy new week
    http://www.melodyjacob.com/

    ReplyDelete
  2. Tempo é mesmo uma das maiores riquezas no mundo em que vivemos e das mais complicadas de alcançar, eu já há uns meses que passei a obrigar-me a desligar do tlm a partir das 22h, e com isso percebi que ganhei tempo para fazer uma coisa que adoro e que andava tão afastada - ler :) E a verdade é que desde essa decisão passei a dormir muito melhor :)

    beijinhos
    Vânia | Lolly Taste

    ReplyDelete

© The Paper and Ink • Theme by Maira G.