SLIDER

JOANA CARDOSO


PORTO,PT
27 anos, plus-size blogger e fotógrafa

Travel Guides

Dia Rosa



Hoje é o Dia Mundial da Luta Contra o Cancro da Mama. Se muitas datas são comemorativas ou especiais, esta homenageia quem luta ou lutou contra o cancro da mama, mas acima de tudo alerta e marca um dia de consciencialização sobre este tema que afecta milhares, se não mesmo milhões, de mulheres em todo o mundo a cada ano que passa. O rosa simboliza não só o sexo feminino, sexo mais afectado por este cancro (apesar de não ser exclusivo) e dá cor a toda uma temática que se espalha pelo mundo quer em forma de eventos, produtos com lucros revertidos para a pesquisa da cura para o cancro mamário ou qualquer outro tipo de produto ou ideia.

Se o mês de Outubro é o chamado Mês da Consciencialização para o Cancro da Mama (Breast Cancer Awareness Month) por todo o globo, o dia 19 é o dia oficial que marca a "celebração" da luta contra o mesmo.



O Cancro da Mama não escolhe idade, nem sexo, apesar de haver uma predominância do mesmo no sexo feminino e em mulheres com mais de 45 anos. Mesmo assim é importante relembrar que mesmo sendo raro o aparecimento do cancro antes dos 30 anos, pode acontecer, e vigiar é mesmo o melhor remédio.

Aqui ficam alguns factos sobre o Cancro da Mama em Portugal:
- 1 em cada 11 mulheres irão sofrer de cancro da mama ao longo da sua vida
- O cancro da mama é o cancro com maior taxa de incidência em Portugal
- Cerca de 1500 mulheres morrem por ano em Portugal devido ao cancro da mama
- O cancro da mama é a principal causa de morte precoce em Portugal (mulheres com menos de 70 anos)

Em Portugal temos a Laço, uma associação sem fins lucrativos que desde o ano 2000 procura apoiar e desenvolver iniciativas de prevenção e consciencialização. Já em 2015 a Laço uniu-se ao Instituto de Medicina Molecular de Lisboa e criou o Fundo iMM-Laço: A Caminho da Cura. A Laço tem ainda unidades móveis de rastreio espalhadas por todo o país.

Aqui ficam alguns factos que devemos ter sempre em consideração:
- Se têm menos de 35 anos (alguns médicos aconselham 40) deverão solicitar uma ecografia mamária e não uma mamografia. A mamografia não é indicada para a nossa idade uma vez que o tecido mamário é bastante denso.
- A prevenção começa sempre com o auto-exame mamário que devemos fazer regularmente. Aproveitem a hora do banho para o fazerem e caso sintam algo anormal contactem o vosso médico de família ou ginecologista assim que possível. A Breast Cancer Now tem uma app que vos pode ajudar imenso: iOS e Android.
- A dor mamária pode estar relacionada com as hormonas e não é raro sentir-se algum desconforto mamário, peso ou aumento da mama antes, durante e imediatamente após o período menstrual. Porém se a dor se mantiver devem contactar um médico.
- Nem todas as mamas são iguais e só saberemos se algo está errado ou diferente com elas se as conhecermos. Assim sendo vão para a frente do espelho e percam tempo a conhecer as vossas mamas, isto é dos melhores conselhos que vos posso dar. Conhecerem o vosso próprio corpo, mamas e não só, pode ajudar a detectar qualquer problema que surja sendo que uma alteração pode sempre levantar suspeitas. Muitas mulheres têm pequenos nódulos (caroços) no peito devido a factores hormonais, se souberem de tal ocorrência de ante-mão torna-se mais fácil saber o que é normal ou não.

Alguns dos sinais aos quais devem estar atentos:
- A detecção de um nódulo (caroço) à palpação.
- O aumento progressivo e assimétrico de uma das mamas.
- Alterações cutâneas (depressão, espessamento ou endurecimento da pele) localizadas.
- Retracção de um dos mamilos.
- Corrimento (branco amarelado ou sanguinolento) mamilar.

Ficam aqui dois eventos relacionados a decorrer:
-Sê Critica com o teu Corpo #levaapeito - Os cereais Fitness promovem esta campanha em que por cada utilizador que aderir ao evento, os cereais FITNESS doam 1€ à LAÇO, contribuindo assim para a investigação através do Fundo iMM – Laço: A caminho da cura.
-Hard Rock Café Pinktober



3 comments

  1. Excelente post, Joaninha. Todos os anos se fala nisto mas honestamente não sei até que ponto estamos de facto atentas - por mim falo, que, palpação, nem vê-la.

    Jiji

    ReplyDelete
  2. Não há nada mais importante que a consciencialização e nada me deixa mais feliz que perceber que as bloggers levam isto muito a sério e ajudam a espalhar a palavra. A prevenção salva vidas!
    THE PINK ELEPHANT SHOE // ganha uma agenda ‘hoje podes ser feliz’ // ganha um produto victoria’s secret e um carmex //

    ReplyDelete
  3. Este teu post foi o mais informativo que li pela blogosfera durante este mês, e um que me toca bastante porque este verão esta doença bateu à porta da minha família e tem sido uma luta.
    É realmente muito importante consciencializar as mulheres dos possíveis sinais e alertar para os hábitos preventivos!

    " Se têm menos de 35 anos (alguns médicos aconselham 40) deverão solicitar uma ecografia mamária e não uma mamografia. A mamografia não é indicada para a nossa idade uma vez que o tecido mamário é bastante denso."

    Desconhecia essa recomendação, Joana! E até estava a pensar pedir uma mamografia à minha médica de família para uma consulta de rotina que tenho marcada para breve. Já vou melhor informada para discutir isso com ela. :)


    Beijinhos,
    --
    Sofia | Monochromatic Wave


    ReplyDelete

© The Paper and Ink • Theme by Maira G.