SLIDER

JOANA CARDOSO


PORTO,PT
27 anos, plus-size blogger e fotógrafa

Travel Guides

As resoluções para 2017 e como as definir



Eu bem sei que desse lado, tal como por aqui, as publicações sobre o ano novo, as resoluções de 2017 e retrospectivas de 2016 têm sido provavelmente muito abundantes nos feeds e nas newsletters, mas honestamente eu caio sempre nesse mesmo cliché porque de facto adoro todo o começar de um novo ano. É a altura perfeita para nos propormos a coisas maravilhosas, a acreditarmos em nós (pelo menos nem que seja durante alguns dias) e assim sendo, tal como fiz o ano passado, decidi começar o ano com aquelas que são as minhas resoluções, bem definidas, sem exageros e com metas concretizáveis ao invés de me propor a loucuras.

As fotos claro tinham de ser da nova agenda, ninguém me paga para dizer isto nem ninguém me enviou a agenda catita, mas de facto é o meu investimento anual e mais uma vez acabei por optar pela agenda diária da Mr.Wonderful. A de 2016 foi usada quase todos os dias, ficou bem recheada de momentos e coisas a fazer e 2017 seguirá o mesmo exemplo.


Em termos pessoais mantenho muitas das resoluções do ano interior, maioria concretizadas e que acho que são muito bem vindas para uma continuação neste ano de 2017. Mesmo assim achei que precisava de alguns desafios e resoluções mais concretas, mas concretizáveis, para poder sentir-me imensamente orgulhosa quando as poder "riscar" da lista.

-Ler (pelo menos) 25 livros. Se no ano passado consegui 14 (quase 15) dos 20 que gostaria de ter lido, muito por preguiça minha, em 2017 quero chegar aos 25, número que aqui à alguns anos era facilmente alcançável. Vou ainda mais longe ao dizer que quero ler mais livros de não-ficção, afinal tendo a ficar-me sempre pelo género fictício. 
-Ter pelo menos uma semana de férias. Com isto quero dizer que quero uma semana sem preocupações de trabalho, sem ir ver o e-mail de hora a hora, sem estar dependente da internet, do telemóvel e tanto mais. Preciso disso e pelo menos uma semana terá de ser.
-Nadar mais. Já que me recuso a inscrever noutro ginásio, porque sei que passado dois meses deixo de ir porque odeio a confusão, o cheiro a suar e sou uma preguiçosa nata que prefere fazer o que lhe apetece quando lhe apetece, ao menos nadar é algo que adoro fazer, que me faz bem e que por mim faria todos os dias se tivesse uma piscina em casa. Assim sendo, se é um bom desporto e para mim é fácil, então proponho-me a nadar mais em 2017.
-Poupar mais. Tenho conseguido manter bem esta resolução, se bem que acabo sempre por gastar a grande parte do que acumulo em material fotográfico. Talvez se agora for para gastar que seja numa viagem, em algo para mim e não para trabalho. Se conseguir poupar apenas por poupar ainda melhor!

profissionalmente também há resoluções e acima de tudo desejos enormes para este ano. Coisas que preciso para seguir com esta paixão que é a fotografia e poder tornar este trabalho em algo permanente. 

-Conseguir pelo menos 3 casamentos sozinha. O ano passado foram dois, fora todos os que fiz com a equipa maravilha à qual pertenço como second shooter, mas preciso de trabalho para mim, com nome próprio e com a segurança, e também responsabilidade acrescida, de ter trabalho conseguido por mérito próprio.
-Chegar aos mil likes na página do Facebook. Sei que parece parvo mas de momento, e para quem não tem local físico, o Facebook é de facto a melhor plataforma para encontrar clientes e cada vez vejo mais isso.
-Comprar um iMac. O meu portátil é lindooo, trabalha bem, não me falha, mas as cores deste monitor dão cabo de mim. Para além disso ter um desktop vai permitir-me ter um monitor maior, e também cores melhores ou seja vai-se traduzir em mais produtividade. Não é um luxo, é mais uma compra de trabalho.

Em termos de blog mantenho muitas das mesmas coisas que quis fazer em 2016, mas agora quero mais e melhor e sem dúvida que existem algumas coisas que quero mesmo riscar da lista no fim deste ano.

-Mais vídeos no Youtube. Mas agora a sério, sem estipular máximos ou mínimos, sem dizer se vão ser vídeos grandes ou pequenos. Sem dizer que vão ser vlogs, ou reviews ou apenas conversas. O que for será.
-35 OOTDs ou mais. Ou seja, igualar o número de 2016 e quem sabe ultrapassar o mesmo.
-Ser mais coesa. Houve meses loucos em 2016 e houve meses em que não publiquei quase nada. Se muito se deveu ao trabalho que me ocupa os meses de Verão também a falta de inspiração e vontade deram o ar de sua graça mas em 2017 não vai poder ser assim.

As mesmas resoluções de 2016 mas com umas notas adicionadas e uns desejos mais específicos. Nada de mais, nada de impossível, é assim que deve ser e isso leva-me ao segundo ponto do nosso post...


Definir metas, objectivos e resoluções pode não ser fácil. Se alguns preferem passa essa parte à frente, outros pensam de um modo grandioso demais e depressa se deparam com a dificuldade de manter os objectivos e concretizá-los. Assim sendo aqui têm algumas ideias simples de como definir resoluções que podem concretizar e que podem manter durante todo o ano conseguindo cumprir as mesmas.

-Divide as tuas resoluções por áreas. Tal como eu optei por definir metas pessoais, profissionais e para o blog, tu também o podes e deves fazer. Não exageres no número de áreas, fica-te pelas 3 ou 4.

-Ver para crer. Ou seja, mantém a tua lista de objectivos sempre por perto, aonde a possas ver para te relembrares que tens de fazer aquilo, que te definiste fazer aquelas coisas. Isto vai manter-te motivado e focado.

-As tuas resoluções devem ter alguns aspectos em comum, ou seja, devem ser específicas, concretizáveis, realistas e de preferência terem um tempo determinado, quer seja para a sua resolução, quer seja para algo do género "vou tirar 15 dias de férias" ou "vai correr 3 vezes por semana". Podem ainda ser mensuráveis, ou seja, quantificares as tuas resoluções do tipo "vou perder 5kg" ou "vou poupar 250€", isto não é obrigatório mas funciona com algumas pessoas.

-Não te deites abaixo, com nenhuma resolução. Não definas nada que restrinja quem és e como és, que se foque apenas na parte estética. Sê bom para contigo mesmo, foca-te em coisas que te fazem bem, que serão boas para ti. Se conseguires será um orgulho, se não conseguires sorri e ao menos saberás que tentaste. Não digas "vou cortar totalmente nos doces", diz antes "vou comer de forma mais saudável e equilibrada". São este tipo de coisas que passam de uns anos para os outros e que se tornam num estilo de vida, não as loucuras desnecessárias e irrealistas.


2 comments

  1. bom ano e boa sorte com as resoluções

    ReplyDelete
  2. Oh também tenho uma agenda assim. Adoro! Beijinhos e um feliz 2017*

    ReplyDelete

© The Paper and Ink