SLIDER

JOANA CARDOSO


PORTO,PT
27 anos, plus-size blogger e fotógrafa

N E W S L E T T E R

O blog quer mudar; eu também



Ando há meses, para não dizer anos, numa impasse enorme em relação ao blog. Se por um lado já lá vão quase oito anos de The Paper and Ink e eu sinto que este é o meu "bebé crescido" do qual não me consigo separar, também sinto que tal como eu, num período de oito anos, o blog cresceu e mudou muito, muito mesmo. Não quero com isto dizer que quero sair das lides do blog, de deixar de escrever, publicar, interagir, nada disso. Sinto apenas que mudei tanto e o blog mudou igualmente tanto que por vezes o TPI já parece não fazer sentido.

Começo pelo nome. O nome é confuso, é longo, não fica no ouvido e a maioria das pessoas parece ter uma extrema dificuldade em perceber o nome a não ser que eu entregue um cartão de visita ou o diga pausadamente. Eu adorava The Paper and Ink mas isso é uma coisa passada. Continuo a gostar da ideia por detrás do nome mas já não faz sentido. O problema é mudar. Mudo para quê? Uso apenas o meu nome? Joana Cardoso ou Jo Cardoso? Crio um  novo nome? Em português ou inglês? Eu já só escrevo quase em português mas continuo a ter visitantes de fora. Depois prende-se o mudar de nome, domínio, cartões de visita, começar uma marca do zero, não que o TPI seja uma marca mas é algo que muitos já conhecem.

O TPI também mudou muito nos seus conteúdos. Em 2009, quando começou era uma amalgama de tudo e de nada, de coisas que eu pensava, fazia ou via e gostava. Depois em meados de 2010 achei que podia dar numa de fashion blogger e dali à beleza foi um saltinho. Durante alguns anos a beleza e a moda eram o tema do blog, essencialmente, a par com algumas dicas, sugestões de sítios e coisas a fazer. Era assim que eu apresentava o blog, The Paper and Ink, um blog de moda e beleza. Também achava na altura que ficava bem dentro da área de lifestyle, mas para mim lifestyle em 2003/4 era confuso mas mesmo assim adicionei-o ao role de temas do blog.

Avançamos uns anos e o blog mudou imenso, ainda temos looks todas as semanas mas já falamos pouco sobre moda, isto porque como compradora de tamanhos grandes sinto que o  nosso mercado está estagnado e as marcas ainda visam muito os tamanhos normais que para mim nem sempre fazem sentido serem mostrados no blog. Para além, disso com 27 anos defini o meu estilo dentro dos meandros do minimalismo, portanto não tenho um roupeiro que me permita criar 365 looks todos diferentes e que vocês achem fabulosos. O minimalismo também me leva a comprar menos, ser mais consciente, e só compro peças tendência quando gosto e sinto que vou usar depois da tendência passar. Assim sendo acho que fico automaticamente excluída de ser uma fashion blogger unicamente.

Dentro da área de beleza continuo a falar bastante, ou pelo menos acho que tenho sempre material suficiente. Mesmo assim não me considero uma beauty blogger, não sei tudo o que saí a cada dia que passa, quase não vou a eventos porque estou aqui no Porto e sinceramente por vezes sinto que tenho de ser eu a comprar tudo quando o meu dinheiro era melhor empregue noutras coisas. Quero mostrar-vos coisas boas, é certo, mas o blog não me traz rendimento, as marcas são escassas na maioria, pelo menos para comigo, e mesmo que continue com temas de beleza não me sinto uma beauty blogger, completa. Não trago maquilhagens, não trago explicações detalhadas, não trago swatches de todos os produtos de uma colecção porque não tenho acesso aos mesmos. Não me estou a queixar das minhas parcerias, nada disso, mas nem sempre há conteúdo disponível a não ser que eu vá às compras e sejamos honestos, nem sempre o dinheiro dá para tudo.

O lifestyle, ou as temáticas mais interventivas, sugestões, dicas e algumas coisas mais são a temática na qual me sinto mais à vontade de momento. Falar de coisas importantes, usar os meios que tenho para divulgar coisas de interesse, ideias pessoais. Falar de viagens, sítios a visitar, restaurantes, trazer receitas. Neste momento essa é a minha área feliz: comer, viajar e pensar.

O The Paper and Ink está, quase 8 anos depois do seu início numa encruzilhada que se formou devido a uma grande salgalhada de ideias e temas ao longo dos anos. Eu sinto que quero mudar, quero mudar o blog porque eu mudei, mas é tudo tão complicado. Começar do zero, nesta idade e com tantos blogs fantásticos parece de loucos. Construir uma base nova de seguidores, de parcerias, de conteúdo, e-mails, domínios, contas...tudo!!! Sinto-me um pouco perdida mas não quero deixar de ser blogger, isso não, isso não tão cedo! A ver vamos, sei apenas que o blog quer mudar e eu também.



7 comments

  1. É mais ou menos como me sentia, deixei o The Paper Crown numa altura em que a minha vida mudou completamente e senti que precisava recomeçar. O Amélie está a ter um solavancos porque eu já não me lembrava de como era tão difícil recomeçar e o tempo também já não é o mesmo desde o TPC... mas deixar isto dos blogs também não está nos meus planos, não para já...

    ReplyDelete
  2. 8 anos de blog é muita coisa, é muito crescimento! E olha, no meio de tudo isso, o mais complicado parece ser a questão do nome, prlo lado logístico - e aí, apesar de eu adorar o nome, não te consigo dizer sim nem sopas: só tu saberás o que é melhor. Quanto ao resto: este é o teu espaço, e só tu tens algo a dizer sobre o que aqui passa. O teu único compromisso com os leitores é seres tu mesma, porque foi isso ao que nos habituaste. Desde que assim seja, vai pelo caminho que for mais verdadeiro para ti! Uma coisa eu sei: ler-te sempre foi um gosto, por isso vai continuar a sê-lo, de certeza! <3

    ReplyDelete
  3. Ando muito com estes dilemas também, Joana. O The Pink Elephant Shoe era o meu bebé e também já fez os sete anos e agora, sinto que o meu perfil é um pouco infantil para este mundo. Considero-me uma blogger de beleza, mas sinto que o meu blog, o design e o nome, não se adaptam à minha escrita e ao meu tema. Mas pergunto-me se gostarei tanto quando mudar. Enfim :| eu acho o teu nome lindo, mas gosto muito de The Paper and Ink. Acho que te caracteriza, vá-se lá saber porquê!

    THE PINK ELEPHANT SHOE // INSTAGRAM //

    ReplyDelete
  4. 8 anos de blog é muita fruta ahahah provavelmente o blog não é aquilo que tinhas em mente no início mas de certeza que sabe bem olhares e veres a tua evolução e do teu blog, deve ser um orgulho para ti e não um fardo. Se bem que, por vezes, uma mudança radical faz bem à própria pessoa e à alma ;)

    Beijinhos*
    www.quandooeusetornaemnos.blogspot.pt

    ReplyDelete
  5. Eu acho que é sempre mais interessante mudares o blog que já tens. Um blog não é - nem deve ser - algo estático. É algo teu, algo pessoal e, tal como tu, muda e evolui. E assim ficas com um registo dessa mudança e evolução =)

    ReplyDelete
  6. Podes mudar mas eu vou seguir-te à mesma ;)

    ReplyDelete
  7. Minha querida, independentemente de continuares no TPI ou num outro cantinho, eu vou continuar sempre a gostar de te ler e acompanhar :)

    Apesar de ter o meu blog há muito menos tempo que o teu, também me debato com algumas coisas semelhantes, nomeadamente a questão do nome. E eu acho que o teu resulta super bem, é simples de entender e é quase poético, sabes? Já o meu...uma dor de cabeça. Hoje em dia já só digo "pesquisa Sara Cabido no google e aparece logo" (achas normal? ahaha).

    Em relação à questão do segmento de moda aqui no blog, acho que devias apostar mais — precisamente para tentar virar o paradigma do país, que se mantém inerte a esta questão. A moda é para todos e tu transmites a tua tão bem! :)

    Um beijinho e só peço que não desapareças!

    ReplyDelete

© The Paper and Ink • Theme by Maira G.