SLIDER

JOANA CARDOSO


PORTO,PT
27 anos, plus-size blogger e fotógrafa

Foodie


Este post vai ser especial porque juntar comida e fotografia é especial por si só, mas também porque traz aqui uma das coisas que mais gosto me deu fazer nos últimos tempos e uma das coisas que mais gosto me deu para ver que irá acontecer no meu Porto muito em breve. Hoje falo-vos sobre o convite da organização do Porto Photo Fest, o primeiro festival de fotografia no Porto e que irá trazer masterclasses e workshops com alguns nomes bem conhecidos do mundo da fotografia. 

Este festival vai decorrer em Setembro, de 11 a 17 para ser mais concreta, mas eu e um pequeno grupo de pessoas teve o prazer de se juntar para um evento criado entre a Porto Photo Fest e a Taste Porto no qual fizemos uma caminhada pelas ruas do Porto parando em quatro locais icónicos...com comida à mistura!!! 

Num passeio de cerca de 3h30 corremos quatro locais que marcaram o Porto e arredores. Locais com 100 anos e locais que abriram à 1 ano. Sítios que servem doces e outros que sabem os típicos enchidos, queijos e bom vinho português. Foi uma viagem pelo tempo, pela história e pelo Porto que deixará qualquer pessoa feliz, quer seja turista ou tripeiro de gema.


Começamos a manhã na Confeitaria Moura, uma casa com mais de 100 anos de história, natural de Santo Tirso e tem no seu reportório os famosos Jesuítas, Limonetes e Pivetes. A Moura chegou recentemente ao Porto, sendo que a sua sede sempre existiu em Santo Tirso, e com duas novas localizações - no Mercado do Bom Sucesso e na Rua Rodrigues Sampaio, uns metros mais acima do Teatro Rivoli - que trazem aos Portuenses um dos doces mais típicos do nosso distrito.

A melhor parte, para além de provar, foi claro estar na cozinha a ver tudo ser preparado pelas mãos de quem sabe bem aquilo que faz e como se faz. A rapidez e eficácia com que se preparam e cozem fornadas, que deixam um aroma maravilhoso no ar, é algo que muitos poucos podem ver quando apenas se sentam à mesa ou se faz um rápido pedido ao balcão.

O processo parece que nos aproxima da comida e nos dá uma sensação de reconhecimento e apreço por algo tão bom.


O Pretinho do Japão é uma casa com 70 anos de história no Porto. É casa de conversas, chás, cafés, delícias e tanto mais. Se antes trazia à cidade maravilhas vindas de todo o mundo, hoje continua a fazê-lo misturando descobertas exóticas e delícias nacionais. A melhor parte? O jardim secreto nas traseiras onde se serve café acabado de moer, onde se pode sentar à sombras com um livro, relaxar e ficar entre as casas do Porto longe da confusão.

Como se não bastasse o café que é bom, e que é sempre necessário para mim, também as conversas variadas são um ponto de venda forte da casa, o que seria de esperar com uma indústria conserveira tão forte a poucos quilómetros de distância. Os enlatados podem ser gourmet, podem ser maravilhosos e quem tem o estigma contra os mesmos então é porque nunca provou umas boas sardinhas em tomate ou até cavala em azeite picante, com pão super fresco! É a nossa cultura de petisco mas que alguns gostam de chamar de "tapas". Não é tapas, minha gente, é petiscos!


A Comer e Chorar por Mais conta já com 100 anos. 100 anos de história aninhada na Rua Formosa entre o Bolhão e a Rua de Santa Catarina. Um século inteiro de trazer aos portuenses as maravilhas deste nosso jardim à beira mar plantando. Na verdade este sítio já foi papelaria, casa de cafés e chás e só em 1970 passou a ser uma casa de mercearia fina com produtos alimentares de luxo. Dos enchidos aos queijos, passando pelo vinho, as conservas e o pão. Aqui as delícias são impróprias a quem tenha colesterol alto, a quem opta por uma vida 100% saudável sem gordura ou quem seja vegan...mas caraças, vale a pena arruinar a dieta! Há ainda compotas, mel, fruta fresca ou seca...tudo o que de melhor o nosso país tem para oferecer e nos dar a provar.

Um queijo que vai mudando com o tempo de cura, de ovelha e delicioso que se aliou ao presunto, ao paio, ao salpicão, levando-nos numa viagem de Norte a Sul de Portugal, sem esquecer o centro. Um folar de carne fresco como só ele, com aquele toque de azeite e sumptuosidade de uma tradição portuguesa tão típica. Claro que tudo se fez acompanhar de um bom vinho branco, o Parceria de 2012, um vinho de notas cítricas tal como tenho por norma gostar.


Acabamos a tour num local com 1 ano de idade, a Gelataria Portuense, um local que traz até ao Porto as maravilhas do gelato tradicional. Criado por Ana Castro Ferreira, que descobriu no gelato um amor para a vida e se tornou gelatiere usando o método e máquina perfeita criada em 1927 por Otello Cattabriga.

A Gelataria Portuense cria sabores tradicionais, como o chocolate e o pistáchio, mas tem ainda uma colecção de gelados de sabores diferentes, muitos deles usando ingredientes e sabores bem nossos. O vinho do Porto alia-se ao sabor da pêra rocha e às nozes caramelizadas. Já o Earl Grey conjuga-se com o caramelo salgado e nibs de cacau. Há gelados sazonais que apenas são feitos quando o produto está em época como o de cereja - do Fundão - com chocolate negro. 

Há ainda sorbetes, bons para vegans ou quem não tolera lactose, e neste caso também não há falta de oferta sendo que tenho de apontar a maravilha - que vi fazer e provei na hora, acabadinho de fazer - o de ananás e basílico (manjericão).

Como sou gulosa, tal como todos os presentes, acabamos por pedir sabores diferentes e ir provando uns dos outros. Provei o de Vinho do Porto, o de Cereja, o de Ananás e Basílico, o de Chocolate e ainda o de Earl Grey. Se tenho um favorito? Isso é difícil de responder porque todos eles são bons, realmente bons e acho que tenho de lá voltar para provar os que faltam e repetir o que adorei.


Foi das manhãs mais bem passadas, especialmente quando estou na cidade que amo, que me viu crescer e a fazer duas coisas que amo: fotografar e comer.



Obrigada à Porto Photo Fest pelo convite e à Taste Porto pela tour.

2 comments

  1. Posso ter inveja? É que vou ter inveja, são 11h e eu estou aqui a babar e a querer correr esses locais todos! Vivam os petiscos! E a fotografia! <3

    Jiji

    ReplyDelete

© The Paper and Ink