Advento #09



Mais um dia de Advento, sem falhar e sempre a horas. Para ser sincera depois de alguns anos a fazer isto em todas as épocas natalícias, uma pessoa acaba por começar a escassear temáticas e pensa o que pode ser repetido sem ser de forma muito clara, demasiado copiada de outros anos ou que se torna interessante. Para mim, para além de receitas, uma temática que acho super interessante são as tradições e por isso decidi que esse seria o tema do Advento de hoje.

Se primeiro pensei falar em tradições portuguesas, acabei então por pensar que mais giro era falar no acto de criar tradições, novas, nossas e que começam quando quisermos. Se as tradições nacionais e outras já estão bem enraizadas nos nossos costumes - como a consoada, o presépio ou o Pai Natal - há sempre espaço a novas tradições e é uma maneira de unir quem nos é mais próximo.

Cá por casa estas são algumas das que temos:
-Montar o pinheiro e decorar a casa no primeiro fim-de-semana de Dezembro (sempre que possível, porque por vezes não estamos em casa)
-Ir ao cinema no dia 25 à noite. Os cinemas estão abertos nessa noite e todos os anos escolhemos um filme para ir ver em família.
-Abrir as prendas sempre à meia-noite, nunca antes e nunca na manhã seguinte.

Porém há tantas outras que vocês podem criar e estas são algumas que me vieram à cabeça:
-Sair para passear no dia 25. Apesar de não estar tudo aberto, aproveitar para passear nem que seja à beira-rio.
-Fazer um piquenique no dia 25. Caixas com doces, sandes do que sobrar de carnes, inventem para aí. É mais uma desculpa para sair de casa. Levem mantas e chocolate quente e vão ver que é maravilhoso.
-Se chover fiquem por casa mas façam uma tarde de jogos ou uma maratona de filmes, uma tradição que devem repetir todos os anos, é essa a ideia.
-Decorar a casa sempre numa data específica, para a maioria das pessoas é nos feriados de 1 ou 8, mas podem adaptar à vossa rotina.
-Uma tradição de jogos, em que quem perde lava a loiça da consoada, ou é o último a receber prendas, ou algo maroto mas sem ser demasiado mauzinho.
-Fazer um mini amigo-secreto. Claro que já vamos dar prendas uns aos outros mas pode ser algo até, por exemplo, 1€ mas tem de agradar a quem nos calhar. Chocolate, most likely!
-Outra óptima ideia é fazerem tradição de irem ajudar uma instituição ou ir entregar comida aos sem-abrigo nesta época. Mesmo por casa podem juntar algum dinheiro, comprar sumos, leites, bolinhos e ir dar a quem menos tem, afinal nem todos têm a mesma sorte que nós...por mais que nos queixemos.

Há tantas coisas que podem fazer, tantas tradições que podem começar. Quem tem filhos pequenos tem ainda mais piada, os miúdos adoram e cria uma dinâmica familiar que se mantêm e nos mantêm unidos ano após ano. Criem tradições próprias!






Joana, 28 anos e natural da cidade do Porto. 
Sou uma fotógrafa de profissão, louca por viagens e sempre com demasiadas opiniões para dar. 
Este é o meu blog no qual escrevo desde 2009 e ele já mudou tanto quanto eu mudei ao longo destes últimos, quase, 10 anos.

INSTAGRAM