30 utilizações, 1 mini garrafa



Um ano depois a Yves Rocher voltou a surpreender com um lançamento que causa impacto, ainda para mais quando cada vez mais se fala e se toma consciência da nossa necessidade de reduzir o uso drástico de plástico em tantas vertentes. O ano passado foram os gel de banho, com mini garrafas de 100ml que prometiam render 40 duches.




Este ano chegou a vez do champô, uma vez mais 100ml para 30 utilizações no total. Sim, uma mini embalagem, que até é prática para levar de viagem por cumpre com as regras de transportes de líquidos, e que rende as ditas 30 utilizações por ser um produto concentrado que exige uma quantidade bastante pequena para uma lavagem.

O champô não contém parabenos, silicones ou corantes e promete ser bastante suave no cabelo, sendo um champô pensado para um uso normal e não para solucionar nenhum problema em específico. Tem um aroma muito leve, nada enjoativo e bastante agradável até, o que o torna mesmo uma boa ideia para partilhar em férias ou para ter num sítio onde várias pessoas o possam usar, como o caso de famílias. Basta apertar uma vez a garrafa para ela dispensar a quantidade correcta de produto, que pode parecer pouco tal como acontece com o gel, mas que é na verdade suficiente para uma lavagem.



Também com o champô foram lançados dois novos aromas que se vêm juntar aos três lançados o ano passado, e são eles o Flor de Lótus e Salvia e o Romã e Pimenta Rosa. Recebi o último, tem um cheiro frutado, nada enjoativo e tal como gosto, mas fiquei também a pensar no cheirinho do outro que foi lançado. Dos do ano passado o favorito continua a ser mesmo o de Azeitona e Laranja Amarga.

#Actbeautiful #Greenattitude

Os produtos custam 3,95€ e cá em Portugal apenas se vendem por catálogo. Estão a ajudar o ambiente na redução do plástico usado para a fabricação das embalagens e ainda a usarem a quantidade necessária de produto para cada lavagem capilar ou de corpo.




Os produtos aqui mostrados foram gentilmente cedidos pela marca. As opiniões expressas são pessoais e independentes.

1 comentário:







Joana, 28 anos e natural da cidade do Porto. 
Sou uma fotógrafa de profissão, louca por viagens e sempre com demasiadas opiniões para dar. 
Este é o meu blog no qual escrevo desde 2009 e ele já mudou tanto quanto eu mudei ao longo destes últimos, quase, 10 anos.

INSTAGRAM