Bem-vindo, Agosto!


Parece que Julho passou a correr e ao mesmo tempo parece que demorou uma eternidade. Acho que o facto de ter mudado de casa em menos de um mês e ainda não ter tudo a correr a 100% fez com que me sentisse nestes extremos tão opostos. Finalmente tenho internet decente, portanto acho que metade do caminho para ter tudo nos eixos já está feito.

Julho foi complicado, foi cheio de coisas, cheio de trabalho, tanto para fazer e tanto por fazer. Agosto não vai ser propriamente calmo e começa logo com trabalho e acaba assim também. Não me estou a queixar, estou apenas a enumerar factos, digamos assim.

Pois bem, Agosto sê bem-vindo e espero que sejas bonzinho para mim e para o que pretendo fazer este mês. Já agora deixo-vos algumas fotos de alguns detalhes do novo quarto. Ainda não está pronto como quero mas já está organizado como gosto e preciso.


ROTINAS

Nova casa, novas rotinas. Deitar cedo, acordar cedo, mais ou menos isto. Aproveitar mais o dia e descansar mais de noite. Habituei-me a dormir de manhã e trabalhar noite dentro, em parte sempre funcionei melhor assim porque de noite é mais fresco, mais sossegado, mais a minha onda, mas a nova casa tem tanta luz que se torna difícil dormir e na verdade se torna tentador acordar cedo para aproveitar essa mesmo luz, tomar um banho com calma e tanto mais, portanto vou tentar criar novas rotinas.


LER MAIS

Acabei a última semana de Julho a ler 3 livros, que isto de não ter internet estava a dar-me cabo do esquema e eu tinha de fazer alguma coisa do meu tempo e claro está, aproveitei-o da melhor forma possível. Acabei o terceiro volume da saga da Miss Peregrine, li os Tales of the Peculiar e ainda o Handmaid's Tale para ver se começo a ver a série. Agosto vai ter mais leitura e posso dizer que começou com o Bossypants da Tina Fey.


TRABALHO

Começo com trabalho e acabo com trabalho, tal como vos disse. Setembro e Outubro vão ser meses de loucos, em modo quase non-stop. Parece que nos últimos dois anos o pico da minha época de trabalho começa mesmo por volta de Agosto e realmente não me posso queixar.


Sem comentários:







Joana, 28 anos e natural da cidade do Porto. 
Sou uma fotógrafa de profissão, louca por viagens e sempre com demasiadas opiniões para dar. 
Este é o meu blog no qual escrevo desde 2009 e ele já mudou tanto quanto eu mudei ao longo destes últimos, quase, 10 anos.

INSTAGRAM