Novas rotinas de beleza



Podia até dizer "ano novo, novas rotinas" mas estaria a enganar-me a mim mesma e a vocês desse lado já que a mudança para esta rotina tem vindo a acontecer gradualmente desde há alguns meses. Na verdade desde há alguns anos para cá que a minha rotina de cuidados tem vindo a mudar drasticamente e nos últimos dois Invernos então a coisa tem sido totalmente diferente daquilo a que estava habituada até então.

Se a minha pele normal a mista adorava um bom hidratante em gel da Clinique, que comprei e recomprei durante anos e que ainda levo em algumas viagens, a verdade é que comecei a ter uma pele normal com tendência a seca, pelo menos em algumas zonas do rosto. Lá se foi a rotina de pele mista, lá se foram as coisas levezinhas e entraram em força os hidratantes ricos, as camadas de produtos para hidratar a pele, tudo o que de bom existe para dar um "glow" à coisa e entraram também os óleos, se bem que esta é mesmo a nova rotina de ano novo!

Apesar de uma mília chata e hereditária e a amiga rosácea que no Inverno chega em força. a minha pele está provavelmente no seu melhor estado desde há muito tempo. Claro que não tenho uma pele perfeita, uniforme e que dispensa qualquer base ou corrector, mas tenho notado sérias melhorias o que me deixa feliz e o que me incentiva a seguir as rotinas à risca.


Claro que aqui nem vos falo da parte da limpeza, do tonificar com o ácido glicólico da The Ordinary, do uso esporádico de uma loção maravilhosa hidratante da Erborian, ou as máscaras e afins.

Aqui mostro-vos a rotina de hidratação, aquela que já conta com o seus cinco a seis produtos, porque dependendo dos dias, a pessoa aqui junta mais uma coisa ou subtraí outra.

Contorno de olhos tem ficado a cargo da Collistar com este gel levezinho mas hidratante graças ao ácido hialurónico. Não me causa mília, hidrata, não pesa e costuma estar fresquinho nestes dias mais frios o que ajuda quando as horas de sono foram poucas. Ainda da Collistar o ácido hialurónico para aplicar gentilmente sobre todo o rosto, para promover aquela hidratação extra tão necessária, é o meu serum de eleição para estes dias, juntamente com o serum para pele com vermelhidões e sensível da Leti - que entretanto levou uma reformulação no packaging e agora está bem mais atractivo visualmente.

De modo localizado continuo a usar o Niacinamida e Zinco da The Ordinary para me ajudar a combater a malfadada mília. Produto maravilha, que vou recomprar já que cá em casa não sou a única a dar-lhe uso, tal é o seu efeito.

Depois de tudo isto ainda a rotina vai a meio e aí entra o meu adorado Ultra Facial Cream da Kiehl's, comprado em Madrid e que já está no fim mas do qual gosto tanto que não tarda compro outro. Comprei e tornarei a comprar a versão com SPF já que me permite usá-lo tanto de noite como de dia. É um creme rico mas não pesado, que hidrata bem, que não deixa uma camada gordurosa mas com o qual se sente hidratação. Talvez uma pele oleosa não o tolere às mil maravilhas, mas para normais, não muito secas e até mistas será uma óptima opção.

Mas como gosto de hidratar ainda mais aplico, antes de dormir claro, a máscara Sleep Spa da linha da Alex Steinherr com a Primark. É uma máscara muito leve, é, mas pode ser aplicada em camadas para uma hidratação ainda mais profunda. É uma máscara de noite, sendo que se aplica e se vai dormir, sem que seja necessário retirar a mesma. Como já tenho tantas camadas de hidratação por baixo é um passo extra que funciona bem, porém por si só, sozinho, comigo não tem grande resultado.

Finalmente o novo passo da minha rotina, um óleo! Cedi ao desejo e trouxe comigo o Midnight Recovery Concentrate também da Kiehl's. É um misto de óleos como o esqualeno, onagra e ainda óleos essenciais como o de Lavanda. É de aplicação nocturna, no final de todos os outros passos. Surpreendentemente nada pesado, cheiroso mas muito leve em aroma e que por enquanto tenho gostado mas sem ainda vos poder dizer muito mais, já que só o tempo e o uso mais prolongado poderão ditar uma sentença.

Para terminar mesmo, e este é um passo de repito várias vezes ao dia, o meu Cicaplast da La Roche-Posay, que já tem uns amigos ali em stock já que este vai no fim e não me imagino mais a viver sem ele. Se continuo a gostar imenso do Rêve de Miel da Nuxe, este é agora o meu grande amor, por não ter aromas, não ter ingredientes que causem um leve ardor em lábios gretados e por ter uma aplicação que não requer enfiar o dedo num potinho. Isso tudo aliado ao facto de poder usá-lo noutros pontos secos para além dos lábios.


1 comentário:

  1. Irra e eu a aguentar-me para acabar o que tenho e não comprar mais tralha...esses dois da Kiehl's andam a fazer-me olhinhos. For real.

    ResponderEliminar







Joana, 28 anos e natural da cidade do Porto. 
Sou uma fotógrafa de profissão, louca por viagens e sempre com demasiadas opiniões para dar. 
Este é o meu blog no qual escrevo desde 2009 e ele já mudou tanto quanto eu mudei ao longo destes últimos, quase, 10 anos.

INSTAGRAM